publieditorial

Chogoo, a sua rede social de eventos

Segundo o Ibope, mais de 90% dos internautas brasileiros usam pelo menos uma rede social e o compartilhamento de informações cresce cada vez mais, fortalecendo a credibilidade dos usuários.

E você pode usar este poder na Rede de Eventos Chogoo. Além de encontrar eventos de sua preferência em qualquer lugar do mundo, você vai poder interagir com várias pessoas em tempo real, convidá-las para eventos, compartilhar fotos, vídeos e experiências, trocar informações, comentar e até criar seus próprios eventos, optando por torná-los públicos ou restritos às pessoas que desejar.

A Chogoo é uma Rede especializada em compartilhar eventos de todos os tipos, desde um aniversário até um grande espetáculo mundial, onde o moderador é o próprio usuário. Através de uma única rede é possível localizar eventos do mundo inteiro, postados e editados por outras pessoas.

E tem mais: a rede vai premiar com um Samsung Galaxy quem tiver mais comentários em uma foto ou vídeo de um evento inesquecível, postado no evento da promoção.

As 10 fotos mais comentadas irão para um e-book exclusivo, que será divulgado após o encerramento da ação. Você tem até esta sexta-feira (30/09) para participar.

Você deve estar se perguntando: Por que participar de mais uma rede social?

Por incrível que pareça, o interesse em integrar novos grupos é grande e muitas pessoas sentem falta da comunicação “de qualidade”, que consideram a partir de seus interesses. Nas redes de massa, o usuário reencontra velhos amigos, vê possibilidades de emprego, interage com vizinhos, parentes etc.

Porém, nesse ambiente não é democrático discutir apenas do seu time de futebol, por exemplo, para não correr o risco de “perder amigos” ou deixar de conseguir alguma oportunidade de negócio. Já nas redes segmentadas, o usuário escolhe o debate que quer participar, encontra pessoas com interesse em comum, agrega conversas relevantes, que vão muito além do “Oi, quer tc?”.

Conhecido como Interney – apelido recebido por integrar e ‘pregar’ as redes sociais no Brasil, Edney Souza acredita que redes de nicho podem sobreviver se tiverem uma vantagem real para o usuário. “Nossa vida possui pelo menos 2 grandes segmentos: o pessoal e o profissional. No campo pessoal costumamos dividir nossos interesses em diversos segmentos e nem sempre os amigos que gostam do mesmo tipo de música curtem praticar o mesmo tipo de esporte. Algumas redes sociais tentam resolver isso criando segmentação de tema, outras permitem criar listas, grupos ou círculos de amigos”, conclui.

Este post é um publieditorial

Deixe seu recado

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *